Chegou a estação mais colorida do ano! Além do clima agradável e do verde pelas ruas, boa parte do período é considerado “baixa temporada” no setor turístico, o que promete melhores ofertas e destinos menos disputados. É também uma época privilegiada para quem curte entrar com contato com a natureza, fugindo das altas temperaturas e da multidão do verão.

Do lado de cá do hemisfério sul, a estação começa em setembro (22/09) e segue até dezembro (21/12). Quer embarcar? Selecionamos alguns destinos que ficam ainda mais incríveis nos meses da primavera, olha só:

Cunha (São Paulo)


As lindas paisagens dos campos de lavanda pela região da Provence, na França, são a cara da primavera, né? Mas engana-se quem pensa que precisa embarcar para o exterior para conferí-las pertinho. Localizada entre as montanhas da Serra do Mar e da Serra da Bocaína, a cidade de Cunha (São Paulo) tem uma natureza privilegiada, cheia de trilhas (procure pelos parques nacionais da Serra da Bocaina e da Serra do Mar), cachoeiras e belas plantações de lavanda.



Além de passear pelos lavandários, você pode também aprender mais sobre o processo de colheita, fazer massagens relaxantes com os óleos de lavanda e provar os cosméticos e alimentos feitos com a planta. Ah, e Cunha também é famosa por seus ateliês de cerâmica, com muitas lojinhas e exposições.

Campos do Jordão (São Paulo)


Localizada a cerca de 180 km de São Paulo, Campos do Jordão é um dos mais famosos destinos de inverno no Brasil. Porém, o charme da cidade não combina apenas com a movimentada temporada de frio. É na primavera que a natureza da Serra da Mantiqueira e os belos jardins da cidade ficam ainda mais atraentes. Você ainda vai encontrar hotéis e pousadas com melhores ofertas, atrativos turísticos e comércio mais tranquilos. Não deixe de visitar o Museu Felícia Leirner, o Horto Florestal, o Parque Amantikir e o Bosque do Silêncio.



Se você curte viajar para praticar esportes e entrar em contato com a natureza, Campos do Jordão é um ótimo destino para praticar atividades como arvorismo, trilhas e mountain bike. E mais: no mês de outubro, a cidade abriga a Oktoberfest da chopperia Baden Baden (19 a 28 de outubro, em 2018).

Curitiba (Paraná)




Considerada uma das cidades mais verdes da América Latina, Curitiba abriga cerca de 30 parques e bosques, como o Tanguá, Barigui e o das Pedreiras. Um dos destaques é seu belo Jardim Botânico, principal cartão-postal da cidade, e ótimo lugar para apreciar as cores da primavera.

Serra Gaúcha - Nova Petrópolis e Gramado (Rio Grande do Sul)




A alta temporada de Gramado é no inverno. Mas é na primavera que a a cidade da Serra Gaúcha fica toda florida e com o clima mais tranquilo para aproveitar os passeios e garantir melhores preços. E pra ficar ainda melhor, o Natal Luz começa em outubro. Se quiser ainda mais tranquilidade, vale ficar por Nova Petrópolis, localizada a cerca de 40 minutos de carro de Gramado. Na estação, acontece o Festival da Primavera (este ano ocorre entre 20 e 30 de setembro).

Brumadinho (Minas Gerais)




Localizado a cerca de 60 km de Belo Horizonte, Brumadinho abriga o Instituto Inhotim, o maior museu a céu aberto do mundo. Além de um importante acervo de arte contemporânea, o espaço guarda um incrível Jardim Botânico que conta com mais de 4.500 espécies nativas e exóticas. É a combinação perfeita para um roteiro de arte e natureza.

Holambra (São Paulo)




Localizada a cerca de 130 km de São Paulo, Holambra é sinônimo de primavera. Conhecida como a Capital Nacional das Flores, é de lá que saem 40% de todas as flores produzidas no Brasil e a estação é quando as ruas e plantações ficam ainda mais lindas. Em setembro, a cidade é ainda palco da Expoflora - a maior exposição de flores, plantas ornamentais e paisagismo da América Latina.Prepare-se ainda para encontrar diversos traços da colonização holandesa, seja ja culinária ou na paisagem local, com casinhas coloridas, bicicletas e moinhos.

Deserto do Atacama (Chile)




A primavera e o outono estão entre as melhores épocas para visitar o Deserto do Atacama, por conta das temperaturas mais amenas. Na estação, há boas chances de encontrar um fenômeno conhecido por “deserto florido”, quando a paisagem se enche de cores. Sim, bem no meio do deserto mais árido e seco do mundo. O fenômeno não ocorre em todos os anos, mas depende das condições climáticas. Além disso tudo, é baixa temporada por lá, o que promete melhores ofertas para embarcar.

Mendoza (Argentina)




Bons vinhos e lindas paisagens naturais te esperam por Mendoza, localizada bem aos pés da Cordilheira do Andes. A primavera no destino promete muitas cores e temperaturas agradáveis. É quando a neve se vai e outros atrativos de Mendoza se destacam. Especialmente para aproveitar os atrativos ao ar livre, a estação é uma boa aposta. Mendoza reserva várias opções de roteiros de aventura, com atividades como rafting, caiaque, mountain bike e trilhas. Viajando na primavera você também encontra melhores preços de hospedagem e degustações menos cheias nas vinícolas, diferente dos meses do verão e inverno, quando é alta temporada.