Chegar ao destino final é o momento mais aguardado da viagem. Mas, na verdade, a experiência começa no aeroporto. Afinal, ninguém gosta de aeroportos lotados, com check in devagar e nenhum lugar para comer. Por isso mesmo, os terminais têm se modernizado e se tornado mais confortáveis para os viajantes. Confira uma pequena lista de 6 entre os aeroportos mais tecnológicos do mundo e fique ligado nessas vantagens para a sua próxima viagem.

Aeroporto Internacional de Atlanta Hartsfield-Jackson - Estados Unidos


Pense em um aeroporto movimentado. Agora multiplica. O Aeroporto de Atlanta é o mais movimentado do mundo, mas também o mais eficiente. Para isso, ele conta com o melhor sistema de transporte de malas que existe. A bagagem pode até ser rastreada em tempo real pelo usuário. A ideia do mecanismo é diminuir atraso, espera e o numero de malas extraviadas.

Aeroporto de Düseldorff - Alemanha


Geração de energia limpa. Essa é a grande diferença tecnológica da construção alemã, que estrá entre os aeroportos mais tecnológicos do mundo. Para evitar o gasto de energia, foram construídos painéis de energia solar em apenas oito semanas. Apesar de ser uma pequena parte da quantidade de energia utilizada pelos terminais, já é um começo e um exemplo para que outros aeroportos façam o mesmo. O meio ambiente agradece, não é mesmo!

Hamad International Airport - Catar




O novo aeroporto internacional de Doha é o mais moderno da atualidade. Construído com um investimento de 15 bilhões de dólares, o aeroporto promete ser o novo ponto de conexão entre o Oriente e Ocidente. Passar pela imigração é como entrar em um filme de espião, tem até reconhecimento da íris. Por isso e muito mais ele é considerado um dos aeroportos mais tecnológicos do mundo.

Incheon Airport - Coreia do Sul


Para quem tem medo da bendita hora do pouso, o Incheon Airport encontrou uma solução. O sistema do aeroporto, conhecido como ILS Cat-III B, é o mais preciso do mundo. Ele possibilita, com a ajuda de radares, que os pilotos pousem os aviões com segurança, mesmo quando a visibilidade está muito baixa. Ou seja, nada de ficar passeando pelo céu coreano quando tem chuva ou neblina.

Aeroporto Internacional Norman Y. Mineta - Estados Unidos


O frio nos aeroportos chega a ser até desagradável. E já parou para pensar no quanto de energia se gasta para resfriar todos os terminais? Por isso, o Aeroporto de San Jose buscou uma solução diferente.  Acredite ou não, o sistema de ventilação do aeroporto é embaixo dos assentos de espera. Isso mesmo! E o mais legal: ele é ativado quando alguém senta. É um sistema eficiente e divertido.

Aeroporto Metropolitano de Detroit - Estados Unidos




Abastecer os aviões com caminhões emite muitos gases poluentes na atmosfera, além de ser extremamente perigoso em caso de acidentes. Para otimizar esse processo e ainda fazer um sistema mais "limpo", o Aeroporto Metropolitano de Detroit mudou tudo. O combustível é acessado por hidrantes localizados perto de todos os portões. Ideia simples e que faz diferença, não é?