Dubai não é a capital dos Emirados Árabes (e sim Abu Dhabi), mas é a cidade da região mais conhecida internacionalmente. O destino nunca para e, a cada ano, surgem novas atrações, todas gigantescas e a maioria com o título de “maior do mundo”. Por isso, pode ir se acostumando, até o final deste texto você lerá bastante essas duas palavras!

Em Dubai, as coisas mudam rapidamente, alavancadas pela riqueza gerada pelo petróleo. Carros velozes, grifes de luxo e muito, muito ouro estão por toda parte!

Em meio aos arranha céus é possível parar e observar o ir e vir das pessoas, e aí fica claro que a cidade recebe turistas do mundo todo. São mulheres de abaias (roupas típicas que cobrem todo o corpo), algumas com decotes, homens com trajes típicos, outros não. E a cidade que atrai pelo glamour e ostentação, ainda mantem tradições como as cinco orações diárias voltadas para Meca, como determina a religião mulçumana.

O premiado fotógrafo belga Nick Hannes, em sua série Bread and Circuses (Pão e Circos), descreve o emirado como "o playground da globalização e do capitalismo". Entre os que odeiam e os que amam, há quem, como eu, prefere apenas desbravar e conhecer tudo que o destino tem para oferecer quando o assunto é turismo. Então vamos lá... sejam bem-vindos à cidade dos superlativos!

1) Esqui no shopping




Ir ao shopping é uma coisa normal para nós, quase que corriqueira, mas lá em Dubai é diferente, pode acreditar. O The Dubai Mall abriga, além de 1.200 lojas, o enorme The Dubai Aquarium. Seu tanque, com 10 milhões de litros, é um dos maiores do mundo, contendo mais de 33 mil animais aquáticos e a maior coleção de tubarões-touro do mundo. Aproveite para passear por debaixo do túnel (são 48 metros) e apreciar todas as espécies que vivem ali. Outro bom exemplo da grandiosidade dos shoppings da cidade está no Mall of the Emirates. Lá dentro fica o Ski Dubai, uma incrível pista de ski indoor. O lugar oferece uma variedade de atividades e te dá a chance de esquiar, fazer snowboard, tobogã, tirolesa, fazer um passeio de teleférico e aproveitar a vista ou apenas participar de uma guerra de bola de neve com amigos e familiares. Vale a pena também ver os pinguins de pertinho.

2)4x4, camelos e jantar no deserto




Um dos programas turísticos mais interessantes em Dubai é o passeio de 4x4 no deserto, com direito a jantar com apresentação de danças típicas e ainda uma volta em cima do camelo. Para fechar o pacote, você precisa falar com seu agente de viagens. Como o sobe e desce na areia é intenso, não aconselho para quem costuma enjoar com facilidade, mas se você é daquele tipo de turista que adora uma aventura, não deve perder essa chance. Os carros param no deserto onde é possível fazer fotos lindas. Passado o trajeto, o jantar acontece ali, em meio ao deserto, num ambiente cheio de tapetes e tendas, onde o turista pode fazer tatuagens de hena nas mãos e braços, experimentar o narguilé e assistir a um show de dança. Para finalizar, vale tentar subir no camelo ou apenas posar para fotos ao lado do animal.

3) Para quem curte altura




Adivinha onde fica o prédio mais alto do mundo? Sim, em Dubai! Com 828 metros, o Burj Khalifa abriga escritórios, 900 residências privadas, o Hotel Armani (com 160 quartos) e o At the Top, um terraço de observação exterior no 124º andar. A adição mais recente é o At The Top Sky, um terraço de observação que quebrou recordes, situado no 148º piso.

Entre um andar e outro, o elevador (mais longo e mais rápido do mundo) chama a atenção pelas luzes e música! E se a fome bater durante sua visita vale conhecer o At.mosphere, restaurante mais alto do mundo e, na minha opinião, com uma vista igualmente inacreditável! O Burj Khalifa é também um paraíso para os amantes da arte: existem mais de 1.000 obras de arte criadas por artistas do Oriente Médio e internacionais espalhadas por todo o edifício. Aqui, foi gravada uma das cenas do Missão Impossível 4, com Tom Cruise preso por cabos de aço praticamente escalando o prédio, e detalhe, sem dublê!

4) Modernidade x tradição




Se você fechar um pacote de viagem para Dubai com uma agência, certamente vai receber instruções de como se portar e como se vestir nos Emirados Árabes, principalmente mulheres. As orientações passadas são para evitar decotes e roupas curtas. Contudo, o grande número de turistas que visita o destino todos os anos nem sempre segue essas “regras”. No lobby de nosso hotel americanas e europeias exibiam vestidos justos e minúsculos! E no dia a dia da cidade você verá de tudo. A verdade é que Dubai une modernidade e tradição. Recebe bem os turistas que a elegem para férias e guarda espaços que preservam toda a história. O Museu de Dubai, alojado no Forte Al Fahidi, que data de 1787, possui exposições que exibem a vida na época anterior à descoberta do petróleo. O museu, que foi aberto em 1971, dispõe de galerias que recriam casas históricas árabes tradicionais, mesquitas, souks, quintas de cultivo de tâmaras e a vida marinha e do deserto. A tradição islâmica está representada também na belíssima Mesquita de Jumeirah.

5) Burj al Arab, ícone de Dubai




Impossível falar de Dubai sem pensar na imagem do Burj al Arab, hotel  com a silhueta em forma de vela. O local é um cartão-postal dos Emirados e seu interior tão imponente quanto o exterior. A decoração é tão forte que pode soar over, com muitos tapetes e cores fortes, como vermelho, azul e dourado. Os mosaicos no chão e as colunas de ouro se destacam logo na entrada do hotel e fazem parte de um conjunto de exageros como uma frota de Rolls-Royces no átrio e o famoso heliporto que tem sido anfitrião de vários famosos. Os quartos, sendo a maioria de dois andares, possuem controle remoto para abrir e fechar cortinas, ligar e desligar TVs e as luzes, além de torneiras de ouro e uma vista de tirar o fôlego. Assim como na recepção, a decoração também é carregada. Nossa visita guiada terminou com um almoço no restaurante subaquático. A sensação é de estar praticamente com um aquário ao seu redor. Você consegue ver os peixes enquanto pede sua refeição. É, no mínimo, uma experiência diferente, mais uma peculiaridade das muitas encontradas em Dubai.

6) Souks: é preciso saber pechinchar


Os Souks são paradas obrigatórias em Dubai. E a dica mais valiosa aqui é saber pechinchar. Nunca aceite o primeiro valor passado, principalmente pagando em dinheiro. Você deve sempre negociar e pedir o “melhor preço”. No Souk de Especiarias você vai encontrar sacos de especiarias, incenso, pétalas de rosa e produtos medicinais tradicionais, empilhados do lado de fora de cada banca. Outro Souk imperdível é o dos Tecidos. O trajeto até lá já faz parte do passeio turístico. Apanhe um táxi aquático tradicional para atravessar o The Creek e observe toda a paisagem ao seu redor. Uma vez no souk você vai se deparar com uma interminável seleção de seda crua, algodão e tecidos bordados.

7) Ilhas pra lá de artificiais




Dubai possui uma série de arquipélagos artificiais nas águas verde esmeralda do Golfo Pérsico. O Palm Jumeirah, que parece uma palmeira estilizada vista de cima, foi o primeiro empreendimento deste tipo. Você pode navegar em volta de Palm Jumeirah num iate ou numa lancha através de uma das muitas empresas de viagens privadas ou a bordo do Palm Monorail que passa no Atlantis resort. Por falar nele, o Atlantis é um dos principais resorts da cidade. Quem se hospeda consegue ter uma visão incrível do Palm Jumeirah e pode usufruir da mega estrutura do complexo. Um grande aquário, localizado num andar abaixo do saguão principal, deixa qualquer um impressionado. Quem não se hospeda pode ter acesso ao hotel reservando um dos 20 restaurantes ou comprando ingressos para o Aquaventure, parque aquático localizado ao lado do Atlantis, com praias artificiais, corredeiras, tobogãs infantis e também tobogãs radicas com grandes quedas.

8) Inshallah! É ouro que não acaba mais




Vitrine, carro, roupa e até comida com folhas de ouro! E que tal máquinas – tipo caixas rápidos – que vendem ouro? Sim, uma recordação com a cara da cidade! E mesmo que não esteja à procura de metais preciosos, você não pode deixar de passar pelo Souk do Ouro - tudo o que vir é autêntico. O maior mercado de ouro do mundo vende joias e pedras preciosas, são em média 300 lojas. O governo regula cuidadosamente a qualidade de toda a mercadoria, portanto você poderá ter a certeza de que as suas compras serão genuínas.

9) Comida típica e internacional


Em Dubai você não vai precisar se preocupar com a gastronomia, já que o destino possui muitos restaurantes de comida internacional, capazes de agradar a diferentes paladares. Se quiser provar pratos locais escolha entre o Bait 1971, o Seven Sands ou o Milas. Entre as iguarias prove o machboos, um saboroso prato de carne cozida com uma mistura de especiarias e arroz. Prefere pão? Experimente o exótico khameer e o chebab e termine a sua refeição com uma versão do Oriente Médio de bolinhos de massa doces, os luqaimat. Um excelente local para experimentar toda a oferta de cozinha dos Emirados é o Centro Cultural para o Entendimento Sheikh Mohammed (SMCCU).

10) Orlando do Oriente de Médio?


Além de ser um paraíso para o turismo adulto, Dubai agora investe para conquistar crianças e adolescentes, atraindo famílias inteiras. A ideia é se tornar uma cidade como Orlando, mas neste caso, ser referência no Oriente Médio. O IMG Worlds of Adventure é o maior parque temático coberto do mundo, com temperatura controlada e abriga mais de 20 atrações. O Motiongate é inspirado em Hollywood e tem 27 atrações inspiradas em 13 filmes de ação e animação, incluindo os Caça Fantasmas e Shrek. Muito interessante também é o Legoland Dubai. Mais de 60 milhões de peças de Lego foram utilizados para construir este parque temático familiar, que é dividido em seis terras. Aqui ficam réplicas do Burj Kalifa, com 17 metros, e do Burj al Arab. Para finalizar, reserve um dia para explorar o Bollywood Park, com mais de 16 atrações, 20 espetáculos ao vivo em cinco palcos diferentes, comida indiana e cinco zonas, incluindo Bollywood Boulevard e Mumbai Chowk.

Ficou curioso? Voa pro Voopter, faça sua busca e programe já a sua viagem para os Emirados Árabes, afinal, você ainda tem alguma dúvida que Dubai é uma das cidades mais interessantes do mundo?