Cinco motivos para conhecer Salvador

Há 29 dias
Salvador é uma cidade quente. Quem lê a afirmação pode achar que me refiro às altas temperaturas (e não estaria de todo enganado), mas Salvador é mais que isso. O calor da cidade baiana vem da terra, da gente, dos temperos, da música, e contrasta com a tranquilidade de uma brisa que sopra suave no finzinho da tarde. A capital soteropolitana vibra em uma frequência diferente. Por isso, em seu aniversário de 468 anos, listamos cinco motivos para conhecer  Salvador e querer voltar.

1) As comidas e mais comidas

O que não falta em Salvador são opções gastronômicas. São tantas comidas típicas gostosas que talvez não dê para provar todas em uma viagem só. Moqueca, bobó, acarajé, abará, caruru, munguzá e vatapá são apenas alguns dos pratos que você encontra por lá, tanto em restaurantes sofisticados quanto em barraquinhas nas ruas. Mas cuidado! Quem não está acostumado com temperos e ingredientes como o azeite de dendê deve ir com calma. E uma dica: se quando pedir um acarajé, uma baiana te perguntar se você gosta dele quente ou frio, prefira frio, no máximo morno. Ela está falando da pimenta e, olha, falo por experiência própria, mesmo morno o acarajé fica ardido à beça!

2) A programação musical 

Não há um lugar que se vá na cidade que não tenha uma melodia tocando pelo menos ao fundo. Salvador é muito musical, cheia de atrações legais que você deve aproveitar. Os ensaios de blocos afro são imperdíveis. Eles saem durante o Carnaval, mas fazem shows o ano inteiro. Você pode até tentar ficar parado, mas  acho difícil conseguir.

3) As praias mais distantes

Salvador tem umas das maiores orlas do Brasil, mas as praias urbanas não são tão boas e acabam ficando muito cheias no verão.  Por isso, vale a pena ir a praias um pouco mais afastadas como Stella Maris, Flamengo e Ipitanga, que fica em Lauro de Freitas, cidade bem pertinho de Salvador. É possível também alugar um carro e passar o dia em lugares mais distantes, como a Praia do Forte, onde tem o Projeto Tamar, ou Imbassaí, onde se pode ver o encontro do rio com o mar.

4) A herança cultural

A Bahia é berço de grandes nomes da cultura brasileira como Dorival Caymmi, João Gilberto, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Maria Bethânia, Jorge Amado e muitos outros. Andar pelas ruas da cidade é vivenciar a atmosfera que serviu de inspiração para a obra de muitos desses autores, o que, por si só, já seria uma razão nobre para conhecer Salvador, mas esse não é o único traço cultural que chama atenção de quem transita pela cidade. Salvador respira religião. É diferente de outros lugares e muito interessante. Vale a pena visitar um terreiro de Candomblé. Há passeios guiados com explicações sobre as origens da religião, como acontecem as cerimônias, etc. Se você chegar a Salvador e a cidade estiver em festa, não se assuste. Algumas festividades religiosas param a capital baiana. A Lavagem das Escadarias do Bonfim, por exemplo, é a segunda maior manifestação popular de toda a Bahia, perdendo apenas para o Carnaval, e acontece todo ano, na segunda quinta-feira do mês de janeiro, desde 1754.

5) Passagens aéreas a partir de R$231, com taxas

Sim! Os usuários do Voopter encontraram, nas últimas horas, tarifas muito boas para embarcar para Salvador! Há passagens aéreas e ida e volta, com as taxas incluídas, a partir de R$ 231. Faça sua mala e aproveite!

[advanced_iframe securitykey="cd16ab14c6fccf40a0ad5795eabcb24469bc3f99" src="http://voopter.com.br/ofertas-blog/para-salvador/SSA"]