Dia dos Namorados já está quase aí e felicidades aos casais que vão comemorar juntinhos. Mas é claro que quem não tem (ou nem quer) um par pra chamar de seu no dia 12 não precisa deixar de curtir a data. Nem todo mundo quer saber de buquês de flores, chocolates e jantares românticos; mas sim de música alta, luzes estroboscópicas e paixões que dão e passam. Pensando nisso, listamos 5 destinos para dançar, tomar uns ótimos drinks e se divertir muito e (quem sabe até) arranjar um crush.

1) Las Vegas




Já ouviram a expressão "o que acontece em Vegas, fica em Vegas"? Pois então já dá pra saber o que esperar dessa viagem: diversão garantida e muita história pra contar. Ou esquecer. Conhecida como o destino daqueles que se despedem da vida de solteiro, a cidade dos cassinos e apostas não deixa a desejar quando o assunto é balada. São dezenas de boates, uma maior e mais disputada que a outra, pra você curtir a noite e, se quiser, arranjar um, dois ou vários crushs. Normalmente, elas ficam dentro dos hotéis, como o Venetian (aquele que tem uns canais e dá pra andar de gôndola) e o Hotel Encore. O primeiro abriga a Tao, de temática oriental; e o segundo a XS (fala-se "excess", que significa excesso, ou seja...). Há ainda outras boates que prometem uma noitada daquelas, como a Marquee e a Wynnsocial. Para quem quiser ter uma vista privilegiada da cidade, a Palms é uma ótima opção. Mas atenção: em Las Vegas, só entra nas boates quem for maior de 21 anos.

2) Florianópolis




A noite de Florianópolis já começa de dia. Em Jurerê Internacional, por exemplo, os clubes de praia iniciam as festas de música eletrônica antes de anoitecer. E a badalação costuma invadir a madrugada. Quem quiser aproveitar as mais de 100 praias da ilha durante o dia e só partir pra festa (bem) mais tarde também não fica de fora da agitação de Floripa. À noite, o movimento fica no Centro, em barzinhos na Rua Bocaiúva; e em boates amplas e luxuosas, como a Cash Night Club e o The Roof, no topo do Hotel Majestic Palace. A Lagoa da Conceição também tem a agenda cheia, e de ritmos variados, como samba, forró e rock.

3) Rio de Janeiro




Procurando um destino charmoso, cheio de opções de festas, ritmos diversos e agitação garantida? A Cidade Maravilhosa é o lugar. Lá você encontra programas pra todos os gostos, seja para quem curte uma cervejinha em depois do trabalho ou quem prefere baladas daquelas que rolam até de manhã. Pra galera do happy hour, o samba da Pedra do Sal, às segundas; o Baixo Gávea, às quintas-feiras; o Baixo Botafogo e as Voids (que são lojas descoladas que lotam as calçadas), às... bom, quase todos os dias, reúnem um pessoal super animado e descontraído.
A conhecida Lapa guarda várias opções, como o agitado Bar da Cachaça. Já a Fundição Progresso e o Circo Voador abrigam alguns dos shows mais legais da cidade. Gosta mesmo de boates? A Barra da Tijuca tem uma rua cheia delas, como a 021, a Pink Elephant e a All In. Na Zona Sul, as boates 00 e a Palaphita Kitch fazem sucesso. Com tantas opções, fica difícil escolher uma só, mas se nenhuma delas agradar, dê uma olhada na programação cultural da cidade. Há sempre muitos eventos de rua espalhados pelo Rio!

4) Ibiza




Ibiza é um dos destinos mais procurados do verão europeu pra quem quer curtir o clima de festa e azaração. São várias (váaarias) opções de badalada, tanto pra quem quer curtir em beach clubs como o Ushuaïa, em Playa den Bossa; quanto pra quem prefere boates arrumadas, amplas e noturnas, como a Amnesia e a Pacha. O ritmo que impera é o eletrônico e muitas boates têm dias com djs super famosos, como David Guetta e Avicci. Mas vou logo avisando que essa viagem não é das mais baratas. As entradas para as festas custam entre 40 e 80 euros; e ficam mais caras se você tentar comprar na hora. A dica é comprar com antecedência!

5) Hvar




A cidade croata tem sido considerada uma nova Ibiza. São tantas festas que quem vai pra lá procurando descanso, não encontra. Mas pra quem não está atrás de sossego, as opções são incríveis. Curtir o pós-praia é sempre uma boa pedida, e o beach club Hula Hula é uma ótima opção. Ele fica praticamente na beira do mar (o que quer dizer que a vista é in-crí-vel), então o clima é bem descontraído e ótimo pra aquecer pras festas de mais tarde, que rolam, por exemplo, na Carpe Diem (onde você chega de barco) e na Veneranda, que é enorme, e tem três ambientes com ritmos diferentes. Quem não quiser ir pra balada, a ilha é ainda cheia de bares e restaurantes.